Saveiro 2017 quer disputar com todos do segmento

Saveiro 2017 quer disputar com todos do segmento

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

Os novos preços fazem a picape da VW brigar desde a Fiat Strada até a Renault Oroch e a recém lançada Fiat Toro.

Ainda que permaneça na mesma geração, este facelift na Saveiro a distanciou de seus parentes Gol e Voyage. A nova Saveiro, ou Saveiro 2017, como está sendo chamada, ganhou aspecto mais forte, com linhas e design mais fechadas.

Para enfrentar a forte concorrência do segmento, a nova Saveiro vai ganhando identidade própria, ficando mais distante dos irmãos Gol e Voyage.

Para enfrentar a forte concorrência do segmento, a nova Saveiro vai ganhando identidade própria, ficando mais distante dos irmãos Gol e Voyage.

Para dar sensação de tamanho e robustez, a equipe de estilo da Volkswagen alinhou o visual da Saveiro, principalmente de sua dianteira, aos utilitários da linha. A inspiração veio, claramente, da Amarok e os SUVs Tiguan e Touareg. A montadora alemã também melhorou a conectividade, mudança feita pensando no público jovem e urbano que prefere as configurações mais caras.

A grande questão, porém, é o preço, que parte de R$ 45.350 nas versões de entrada e chega a R$ 69.250. Líder de vendas no segmento das picapes, A Strada tem praticamente o mesmo valor da nova Saveiro. A versão top de linha esbarra nas mais caras, Oroch e Toro.

Versões e preços

De modo geral, a Volkswagen dividiu as versões e preços. Confira abaixo um resumo com as principais diferenças de itens. Para ver as tabelas completas, clique aqui.

– Saveiro Robust Cabine Simples: R$ 45.530

O nome bonito é um velho conhecido: trata-se da Saveiro básica, voltada para o trabalho. Ela tem a caçamba mais comprida, tampa da caçamba com amortecedor e chave de abertura no logo, barra para carga no teto, pára-choques em preto fosco e rodas de aço aro 15. Os pneus são 205/60, máscaras negras enfeitam os faróis, o banco do motorista conta com ajuste de altura e o airbag frontal é duplo.

Nova_Saveiro_Robust_1

A Robust tem a caçamba mais cumprida que as outras versões da Saveiro. Propício para o trabalho.

Nova_Saveiro_Robust

Versão para trabalho, a Robust tem acabamento mais simples.

 

O motor 1.6 flex é da antiga família EA-111 e gera 104 cavalos com etanol, continua o câmbio manual de cinco marchas.

Itens como ar-condicionado, assistência hidráulica à direção, vidros e travas elétricas entram na lista como opcionais.

– Saveiro Trendline Cabine Simples: R$ 47.970
– Saveiro Trendline Cabine Estendida: R$ 52.730

– Saveiro Trendline Cabine Dupla: R$ 56.270
Com uso misto, acrescenta ao pacote de série faróis duplos, direção hidráulica, travamento de portas e vidros elétricos, chave-canivete e computador de bordo, entre outros itens.

Motor e câmbio são os mesmos da Robust, mas ar-condicionado e outros itens de conforto, visual e conectividade seguem como opcionais.

– Saveiro Highline Cabine Dupla: R$ 63.070
Com estilo urbano, é equipada com ar-condicionado de série, ajuste de altura e profundidade para a coluna de direção, volante multifuncional, retrovisores elétricos na cor da carroceria com seta e função tilt-down integrados, além de sistema de som.

Itens de conforto, revestimento de couro sintético, rodas de liga leve (15″), capota marítima, sensor de estacionamento e sistema de conectividade são itens opcionais da versão. Adicionada nova cor metálica cinza Platinum.

– Saveiro Cross Cabine Estendida: R$ 66.110

– Saveiro Cross Cabine Dupla: R$ 69.250
Para público jovem e conectado, tem visual aventureiro com pitada esportiva. Como no modelo anterior, é a única da linha a usar o motor 1.6 MSI (EA-211), de 120 cv com etanol e sem tanque para partida a frio, ausente da linha 2017 do Gol e Voyage (por enquanto).

Nova_Saveiro_4

Versão esportiva da Saveiro está entre as mais caras do modelo.

Cromados abundantes, spoilers e estribos, faróis sextavados e lanternas com efeito 3D, luzes múltiplas no pára-choque (neblina, de longa distância e de curva) e pedaleiras cromadas completam o visual.

Na lista dos itens de série estão ainda rodas de liga aro 15″, revestimento de couro sintético para volante, sensor de estacionamento na traseira, capota marítima e ganchos na caçamba. Sistema de entretenimento integra-se a celulares Android da Samsung, Sony e LG (Mirror Link).

Itens eletrônicos de segurança também estão inclusos: ABS (antitravamento de freios) com função off-road (para pisos com superfície mais solta), controle de estabilidade e tração, assistente para partida em subida e de descida e bloqueio de diferencial.

Ficaram como opcionais os sensores de chuva e de iluminação, bem como piloto automático, sensores dianteiros de estacionamento, revestimento de couro sintético para bancos, pneus todo-terreno e sistemas de entretenimento com tela maior, GPS e conectividade com celulares Android em geral e Apple (Carplay).

Nova_Saveiro_3

Acabamento refinado e conectividade são algumas das armas da nova Saveiro.

Além da já comercializada cor Laranja Cannyon, entra em cena a cor Azul Ravenna, seguindo a tendência de 2016.

 

Siga o mestre

Infelizmente, a Volkswagen abre mão da competitividade ao alinhar seus preços ao da rival Strada (a diferença entre as versões similares é de poucos reais). Para o mercado e consumidor seria bom ver uma briga real pela vaga da garagem do comprador. Como vantagem, a VW justifica que seu produto é mais seguro e completo.

A marca baseia-se no fato de que só a Saveiro usa freios a disco nas quatro rodas, reforçando a segurança em frenagens, na linha de carros compactos da VW. É algo que nem Gol, Voyage, up! e Fox entregam. É absurdo, mas o item está ausente na principal rival e até nos mais refinados Renault Oroch e Fiat Toro.

Apresentada no final de 2014 por menos de R$ 48 mil, a cabine dupla da Saveiro ainda é citada como trunfo por executivos da marca. A versão é oito centímetros mais espaçosa que a da Strada, segundo a Volkswagen, garantindo espaço para cinco pessoas sendo três adultos atrás, embora a versão top de linha do modelo da Fiat tenha uma porta extra traseira facilitando o embarque. A Saveiro não possui portas adicionais.

Enfrentando todo mundo

Nas versões mais caras, os preços alcançam os das novas picapes compactas médias.

Enquanto a versão Highline fica na sombra da Renault Duster Oroch, que custa R$ 64 mil iniciais, a Cross Cabine Dupla completa e com seus quatro pacotes opcionais a R$ 4.920 custa o mesmo que a Fiat Toro inicial (R$ 76.500).

Talvez seja isso mesmo que a Volkswagen pretenda, criar uma enorme dúvida na cabeça dos compradores.

Share